Primeira vez na cozinha

Cozinhar não é mole! Os chefs da televisão, aquele seu melhor amigo e a vovó sempre fizeram parecer que é fácil, quase natural, mas não foi sempre assim não! Você imagina o que aconteceu na primeira vez na cozinha com aquele bambambam da TV? Confira o depoimento da primeira viagem dos anfitriões do Dinneer na cozinha!

Primeira vez na cozinha
Primeira vez na cozinha

Confira algumas histórias de como foi a primeira vez na cozinha de alguns anfitriões do Dinneer:

.

Primeira vez na cozinha
Primeira vez na cozinha

“Estávamos eu e meu primo sozinhos em casa, e a fome bateu. Decidimos preparar um macarrão super fácil, que minha irmã fazia as vezes. Colocamos todos os ingredientes na panela de pressão, e colocamos ela no fogo. Fomos jogar videogame enquanto esperávamos ficar pronto.

Acabamos nos esquecendo da panela no fogo… Um barulho ensurdecedor que parecia um tiro de canhão nos fez se jogar no chão de medo. A panela de pressão explodiu! Afundou o fogão, o exaustor também quebrou e caiu no chão. Desastroso! Anos depois, por ironia do destino, abrimos uma hamburgueria juntos” Dionísio e Thales Mendonça, anfitriões do Rio de Janeiro

 

Primeira vez na cozinha
Primeira vez na cozinha

“Minha primeira vez na cozinha foi uma catástrofe! Fui morar sozinha, feliz por ter comprado a minha casa, ter vida independente, etc. Quando a noite chegou, e com ela a fome, pensei em fazer um bife bem passado e arroz. Quando tentei fazer o arroz, ele ficou queimado por fora e cru, a carne pregou na frigideira e virou torrão!

Comecei a chorar e a lamentar, por perceber que estava distante da minha mãe. Chorei tanto que adormeci. No dia seguinte fiz amizade com os vizinhos e eles passaram a cozinhar pra mim e me ensinaram como se cozinhava! Eita vida! Hoje até que me viro bem na cozinha.” Juliana de Almeida, anfitriã de São Paulo

 

 

Primeira vez na cozinha
Primeira vez na cozinha

“Fui tentar apenas fritar um ovo na frigideira, e não passou pela minha cabeça o quão desastroso isso poderia ser, quando eu vi que o ovo já estava pronto, tentei tira-lo mas estava grudado na frigideira. A coisa tava tão feia que desisti de comer aquele ovo, e corri para a área de serviço, colocar a frigideira no tanque para não estragar tanto. O resultado foi que a frigideira grudou no tanque, foi uma cena bizarra. Nunca pensei que hoje meus amigos me pedissem para cozinhar para eles.” Amélia Dias, anfitriã de Lisboa

Primeira vez na cozinha
Primeira vez na cozinha

“Minha mãe estava no mercado e minha irmã dormindo, estava sozinha, então decidi tentar fazer uma omelete para o café da manhã. Já havia visto minha mãe fazendo, não podia ser difícil. Peguei os ovos, cebola e tomate, e comecei a botar a mão na massa. Piquei a cebola, e na hora de cortar o tomate, acabei cortando o dedo. Nada que pudesse me parar.

Quebrei os ovos e misturei junto dos outros ingredientes na frigideira. Quando a omelete já estava no fogo, percebi que precisava de alguma coisa para virar do outro lado, e sai correndo na cozinha para achar uma espátula ou algo do tipo. Até achar a espátula, a omelete já estava grudada no fundo da frigideira. Eis então que surge minha mãe, muito brava, dizendo que estava uma bagunça e que iria botar fogo na casa. Acabei ficando de castigo, vocês acreditam?
A minha omelete de hoje é muito disputada quando cai na mesa, ainda bem que aprendi a fazer uma deliciosa omelete e outras dezenas de receitas viu hahahahaha” Victória Espínola, anfitriã de Madrid

Primeira vez na cozinha
Primeira vez na cozinha

“Foi terrível! Eu fui tentar fazer um bolo, e em vez de colocar uma xícara e meia de açúcar, acabei lendo a receita errado e coloquei onze, isso mesmo, pus onze xícaras de açúcar em vez de uma e meia! Como se não bastasse isso, esqueci de misturar o fermento, então joguei ele por cima depois do bolo já estar na forma. O resultado foi desastroso, o bolo vazou e sujou todo o forno por dentro. Acabei levando uma bronca daquelas. Mas foi ai que minha paixão por cozinha começou, e hoje vivo com o dinheiro da venda dos meus bolos e salgadinhos.” Maria Julia Pimentel, anfitriã de Londres

 

Primeira vez na cozinha
Primeira vez na cozinha

“Na primeira vez, optei por algo fácil, um tal “Macarrão com queijo”.
Coloquei a panela com água no fogo, e depois o macarrão… haja paciência.
Depois de coloquei escutei meu amigo me chamando na porta da frente, fui lá atender, até que após alguns minutos lembrei do macarrão. “Ferrouuuuu” meu amigo disse!!!
Entrei na cozinha, me deparo com uma cena bizarra, o macarrão pegando fogo e taquei aguá no fogão hahahaha

Depois disso ganhei alguns apelidos carinhosos como ” bombeiro de macarrão”

Superei o meu fogo no macarrão e hoje me consideram com um ótimo cozinheiro, e quer saber?
Eu sou mesmo um bom cozinheiro e por isso todos visitantes voltam e trazem os amigos para comer meu macarrão ( não aquele pegando fogo ) 😉 Rodrigo Costa, anfitrião de Orlando

 

Primeira vez na cozinha
Primeira vez na cozinha

“Sempre tive relação com a cozinha, porém nunca havia tentado cozinhar de fato. Minha mãe preparava doces para um buffet e meu pai adorava cozinhar nas horas vagas. Nos domingos, toda a família se reunia na minha casa, e meu pai preparava uma delícia de um churrasco. Eu adorava comer, mas nunca ajudava a fazer.

Certo dia reuni uns amigos para um churrasco, eu já havia visto meu pai fazer, achei que seria fácil. Grande erro.
Quado meu pai chegou para ver se estava tudo certo viu que eu não tinha noção do que estava fazendo. Temperei a linguiça (que já vem temperada) e o pior, tirei toda a gordura da picanha antes de assar. Ele quase me matou.
Tempos depois acabei aprendendo como se prepara um churrasco e substituindo meu pai como o churrasqueiro da família” Luciano Prestes, anfitrião de Porto Alegre

 

 

 

E aí, se sentindo motivado pra continuar depois do desastre da primeira vez na cozinha?

Deixe seu comentário