Expressões regionais que você precisa conhecer antes da sua próxima viagem

 

Oficialmente, nosso idioma é o Português, mas, na prática, falamos o carioquês, o gauchês, o mineirês, o baianês, enfim… São tantas expressões regionais que às vezes nos perdemos em uma conversa.

A máxima já diz: o Brasil é um país continental. E desde sempre recebeu povos de diversas culturas, costumes e crenças. Por isso, nossa cultura é tão plural e cada estado tem peculiaridades únicas, que chamam a nossa atenção, como turistas, e só servem para enriquecer ainda mais nossa vida quando compartilhamos dessas particularidades.

Então, neste artigo, vamos abordar algumas das expressões mais importantes para você mandar bem na próxima viagem.
Já pensou? Chegar em um lugar desconhecido e curtir toda a cultura local com uma pessoa especial ao seu lado e ainda entender tudo que os moradores locais estão dizendo? O melhor de uma viagem é poder mergulhar em sua cultura, fazer uma troca com o novo e sair de lá quase pegando sotaque do povo nativo, você não acha?

Aproveita muito pouco da viagem aquele turista que vai até uma nova cidade para ficar enfurnado em hotel, curtindo a piscina e a praça de alimentação sem nem mesmo ir à rua, sem colocar a cara para fora da janela e conhecer, realmente, como é o lugar.

Continue lendo este artigo e descubra algumas expressões regionais que você precisa conhecer antes da sua próxima viagem, para chegar lá entendendo tudo!

Descubra neste artigo outras formas de aproveitar ao máximo sua próxima viagem.

 

EXPRESSÕES REGIONAIS DO BRASIL

 

Você já conheceu Goiânia? é a capital do estado de Goiás e é próxima ao Distrito Federal. Essa cidade se mantém como referência em qualidade de vida em relação às demais capitais brasileiras, apesar da sua ocupação populacional desordenada – algo que ainda acontece em certas regiões desse lugar.

 

Se você ainda não conheceu essa linda cidade, não pode nem imaginar como eles falam por lá, mas “de boa? É um trem bão demais e não é nada custoso!

Trem: essa palavra serve para quase tudo! Há quem diga que é um termo mais mineiro do que goiano, mas de acordo com eles mesmos, Goiás é quase Minas e Minas é quase Gerais. É um trem bão danado!
Custoso: Essa palavra vem de custo e quer dizer que está complicado. Por exemplo: esse menino é custoso de aprender, né, não?!
Agora, se a sua escolha é visitar a Cidade Maravilhosa, a belíssima e inesquecível Rio de Janeiro, você não pode chegar lá sem entender a parada, certo? Afinal, coé?!
Parada: Assim como o trem goiano, ou mineiro, a parada pode ser qualquer coisa. Inclusive, a parada pode ser substituída por coisa na maioria dos casos.
Coé: Essa palavra é uma versão super carioca da expressão já bastante carioca que é a “Qual é”. Como você pode notar ela junta duas palavras e pode significar uma terceira: pode servir como um cumprimento, do tipo “coé, cara, beleza?”, como um confronto, do tipo “coé, maluco, tá doidão?” ou também para expressar incerteza, como “não sei coé a sua, cara”.

 

 

Está gostando deste artigo?

 

Quer conhecer esses sotaques de pertinho?

 

Antes disso, descubra neste eBook gratuito que pratos pedir em sua viagem pelo Brasil para se conectar ainda mais com a cultura local, provar uma boa comida e viver experiências incríveis nas suas férias.

 


eBook gratuito: 27 Pratos típicos brasileiros para você provar em sua próxima viagem

Expressões regionais
Expressões regionais

 


 

Para quem vai para Pernambuco, não pode ser afolozado, nem aluado e ficar arrumando arenga por lá. Seja aloprado e saiba ter uma conversa arretada com um pernambucano antes de se arribar, concorda?
Afolozado: expressão para alguém que é folgado, preguiçoso.
Aluado: assim como na expressão “meio de lua”, significa louco.
Arenga: briga, confusão.
Arretada: esse termo é usado para qualificar algo ou alguém como sendo de muito boa qualidade, a melhor.
Arribar: sair, ir embora.
Se você quer visitar os nossos amigos capixabas em Espírito Santo, não seja baldeiro e nem precisa ficar gafo para conversar com o pessoal de lá, pegue uma ponga aqui no nosso artigo, que você vai aprender a falar direitinho.
Baldeiro: derivado da palavra balda, significa tratante.
Gafo: mesmo que ansioso.
Ponga: carona.
E aí, aprendeu a falar os nossos brasileirismos? A cultura do nosso país é muito rica e os sotaques são uma delícia de ouvir.

 

Este artigo foi útil? Deixe um comentário arretado com outras expressões que você conhece e compartilhe com seus amigos!

Deixe seu comentário